Moradia T2 para Venda

Três moradias uma delas transformada em garagem à venda na freguesia do Paião.

Uma moradia T2 com cave, está habitavél precisando de algumas remodelações.

Tem 3 divisões, uma cozinha, casa de banho e garagem com Area de 109 m2.

A moradia transformada em garagem tem 74 m2 de área. A outra moradia mais antiga precisa de remodelação para se tornar habitavél.

Tem varias divisões e uma area de implantação de 139 m2 e um logradouro de 282 m2Tem ainda um terreno Rústico com pomar com cerca de 2000 m2As casas e o terreno estão muito bem localizadas no centro da povoação, perto dos campos de arroz a 20 min da Figueira da Foz, a 15 minutos de Soure e a 20 de Pombal.

ID: 6142724 - 123531254-13

Mais informações do imóvel em:

Clique aqui para ver este imóvel no site da Remax

Siga a nossa página no Facebook!



Freguesia do Paião

A freguesia do Paião é rica em monumentos históricos dos quais se salientam o Convento de Seiça e a Capela de Seiça. Seiça tem uma história provida de interesse, que se cruza com os Mouros, D. Afonso Henriques, a Ordem de Cister e o arroz. Seiça é um sítio divino, mágico, onde habita Santa Maria de Seiça, que podemos visitar na sua capela, e onde existe um Convento. Foi habitado por monges da Ordem de Cister ate ao séc. XIX! Com a extinção dessa ordem foi comprado pela família Carriço, que o utilizou como fábrica de descasque de arroz e construiu ainda no local três vilas.

Trata-se pois, de três casas, um convento, uma capela, três fontes, campos de arroz e de milho, uma ribeira e os seus canais, sapais e algumas zonas pantanosas, não de uma aldeia, talvez de um sítio, onde os monumentos e as casas se misturam num eco sistema rico e cheio de vida.

A fundação deste mosteiro data do séc. XII, altura em que entrou para a Ordem de Cister, quando D. Sancho I o doou ao mosteiro de Alcobaça. A construção foi levada a cabo pelo arquitecto Mateus Rodrigues, durante finais do séc. XVI, início do séc. XVII.

A sua toponímia é controversa, defendendo-se que poderá tanto ter a ver com a vulgarização do termo latino pelagus (relativo ao mar, caracterizando um povoamento de pessoas vindas da costa) que daria polegão (nome de um peixe, depreciativo, atribuído a um grupo de pessoas), como de uma origem mais próxima por um aumentativo de Paio (ligado a uma localidade próxima chamada Sampaio.

Fonte


Cidade da Figueira da Foz

A cidade fica na foz do rio Mondego e pertence ao distrito de Coimbra. É curioso pensarmos que o nome da cidade – Figueira da Foz – está relacionado com o facto da FOZ do rio se encontrar neste local.

Aqui localiza-se uma das praias mais bonitas, famosas e procuradas de Portugal. Habitualmente chamada de Rainha da costa de prata, a cidade da Figueira da Foz é muito visitada pelos amantes de praia. Aqui encontramos um gigantesco e magnífico areal. Perfeito não apenas para os veraneantes como também para os amantes de desportos náuticos. Muitos também designam a praia da Figueira da Foz como a rainha das praias portuguesas.

Fonte

Características do Imóvel

  • Campo
  • Centro
  • Cozinha
  • Garagem
  • Investimento
  • Mar
  • Moradia
  • Rústico

Localização